Passeios de Trem: Verdadeiras Aventuras Nostálgicas

Passeios de Trem: Verdadeiras Aventuras Nostálgicas
TURISMO-E-HOTELARIA

Quem aí nunca viajou, já quis ou queira viajar de trem? Mesmo que seja um passeio curtinho para bem pertinho...

Os trens são atraentes até para os pequenos, que dão asas à imaginação ao brincarem de maquinistas ou passearem por seus carros (vagões destinados ao transporte de pessoas e não de cargas).

Infelizmente, no nosso país, as locomotivas estão em desuso para o transporte de passageiros com algumas poucas exceções! No Brasil, o período de auge compreendido pelo transporte ferroviário é inferior a sete décadas, e a maior parte do uso se dava para o transporte de carga.

O que temos para recordar desse marco no passado são as várias ferrovias desativadas, prédios das antigas estações usadas para outras finalidades, algumas locomotivas expostas em museus e casas de cultura, e outros poucos ainda em uso. Alguns para o transporte de passageiros, levando-os de um Cantinho do Paraíso a outro.

Enquanto isso, na Europa é um dos principais meios de transporte até hoje, onde mais de 30% das rodovias do mundo encontram-se lá o que permite a você ir de um país para outro pelas longas linhas férreas.

Entre os benefícios desse tipo de transporte estão:  a segurança, a economia, a possibilidade de transportar centenas e até milhares de pessoas, o fato de ser pouco poluente, o conforto e a inexistência de trânsito. Isso tudo parece valer a pena não!?

Isso sem contar o seu charme, além daquela sensação de nostalgia que sentimos ao embarcar. E a vista? Você vê as paisagens passarem pelas janelas de forma tão vagarosa, sem a nítida pressa em chegar e sem o estresse tão típicos das rodovias.

Os trens que estão a pleno vapor no transporte de passageiros atendem também a fins turísticos, contando muitas vezes com monitores, atores e cantores que apresentam ao viajante um pouco da história do trajeto: o que envolve famílias e sobrenomes tradicionais dessas localidades, senhores feudais com seus riquíssimos feudos e suas plantações de café e açúcar, cujo objetivo é informar, divertir e garantir a você uma verdadeira aventura nostálgica, além de uma inesquecível experiência pelas linhas de trem...

 

Outra pedida para tornar esse passeio ainda mais agradável é ter uma boa leitura a sua disposição, por isso sempre carregue contigo um livro e desfrute dessas duas deliciosas viagens!

Juliete Vasconcelos
Turismóloga e Guia de Turismo Regional pelo Centro Universitário Nossa Senhora do Patrocínio; Técnica em Agenciamento de Viagens com Habilitação para Credenciamento de Guia Regional, Nacional e América do Sul; Pós-graduanda em Geografia, Meio Ambiente e Sustentabilidade; Escritora de romances policiais e resenhista no blog Literaleitura.
Sucesso! Recebemos Seu Cadastro.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER